Senador Luiz Henrique da Silveira morre aos 75 anos

O senador Luiz Henrique da Silveira (PMDB) morreu na tarde deste domingo (10) em Joinville, no Norte de Santa Catarina. Ele tinha 75 anos e chegou a ser encaminhado ao hospital, mas não resistiu a um infarto fulminante.

Além de senador desde 2011, o político catarinense foi prefeito de Joinville por três mandatos, deputado federal, deputado estadual, Ministro de Ciência e Tecnologia e governador de Santa Catarina por dois mandatos, entre 2003 e 2010.

A assessoria de imprensa do senador e a assessoria do Hospital da Unimed informaram que, na manhã deste domingo, ele estava em sua casa, em Itapema, no Litoral Norte. Depois, foi para Joinville, onde chegou por volta das 12h. Enquanto almoçava, o senador sofreu parada cardiorrespiratória.

O Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) foi acionado. Os socorristas tentaram reanimá-lo até a chegada no hospital. Na unidade de saúde, a equipe médica fez tentativas de reanimação, com  massagem cardíca e remédios por cerca de uma hora e meia, mas a morte foi confirmada às 15h15.

Velório
O vice-presidente da República e presidente nacional do PMDB, Michel Temer, desembarcou em Joinville no final da tarde deste domingo. Segundo a assessoria de imprensa, ele estava em Porto Alegre (RS) e partiu por volta das 17h, com destino à cidade do Norte Catarinense. Temer deve encontrar os familiares do senador e retornar no meio da noite para Brasília.

Segundo a assessoria de imprensa do político, o velório será realizado no Centreventos Cau Hansen, em Joinville, a partir de 22h, 23h deste domingo. O enterro será na mesma cidade, durante o final da tarde de segunda-feira (11).
 

Biografia
Natural de Blumenau, Luiz Henrique da Silveira nasceu em 25 de fevereiro de 1940. Se formou em direito pela Universidade Federal de Santa Catarina e iniciou sua vida pública em 1971, quando foi eleito presidente do Diretório Municipal do MDB de Joinville.

De 1987 e 1988, ele assumiu o Ministério de Estado da Ciência e Tecnologia. Entre 1993 e 1996 foi presidente do Diretório Nacional do PMDB.

De acordo com seu site oficial, o político foi deputado estadual entre 1973 e 1975. Assumiu o cargo de deputado federal durante cinco mandatos: 1973 a 1975, 1983 a 1987, 1987 a 1991, 1991 a 1995, 1995 a 1997.

Também foi prefeito de Joinville por três mandatos. O primeiro foi entre 1977 e 1982. A segunda eleição como chefe do Executivo municipal ocorreu em 1997, quando foi reeleito ao segundo mandato entre 2001 e 2004.

Luiz Henrique da Silveira foi eleito duas vezes como governador de Santa Catarina: entre 2003 e 2006 e de 2007 a 2010. Depois disso, em 2011, ele assumiu o cargo de senador, no qual ficaria até 2019.


Em 2011 o Senador Luiz Henrique palestrou durante o VII Simpósio Florestal Catarinense, dissertando sobre o Código Florestal Brasileiro, realizado em Lages/SC, na oportunidade o Presidente da ACEF Engenheiro Florestal André Leandro Richter entregou em mãos a Carta de Lages, documento produzido durante o Simpósio, onde trata da Criação do Instituto Florestal Catarinense e do Ministério de Desenvolvimento Florestal, o Senador deixou seu gabinete a disposição dos interesses dos Engenheiros Florestais de Santa Catarina.

Em 2013 o Senador Luiz Henrique palestrou durante o 11º Congresso estadual de Profissionais em Florianópolis/SC, novamente o Senador atendeu os anseios da ACEF, onde o Presidente da ACEF André Leandro Richter, juntamente com os Engenheiros Florestais Marcos dos Santos Weiss e Reginaldo Bikudo Rocha Filho reforçaram sobre a necessidade de Criação do Instituto.


A nome da ACEF enviamos as nossas profundas e sinceras condolências a família do Senador Luiz Henrique.

voltar